FUG celebra convênio com CASAG/OAB de Trindade
26 de novembro de 2019
Doenças prostáticas em cães – Novembro Azul
30 de novembro de 2019
Exibir tudo

FUG é parceira na promoção de sorvetada e feira de adoção de animais

A Faculdade União de Goyazes (FUG) recebeu, nesta terça-feira (26), a sorvetada e feira de adoção de animais. A iniciativa “Mãos cuidando de patas” é fruto parceria da vereadora Marcia Josefa em conjunto com a Associação Trindade de Amigos dos Animais e FUG. 

Após realizar cinco mutirões com o objetivo de avaliar os bichinhos, higienizar e preparar suas documentações, vários cachorros e gatos foram trazidos para passar o dia na Faculdade, em busca de adoção. 

Lutando contra adversidades

Segundo a vereadora Marcia, devido à situação crítica vivida pelo Amigos dos Animais, a sorvetada foi proposta para arrecadar fundos destinados ao abrigo. “A associação vem passando por um momento muito sensível. A situação é tão crítica que não possuem fundos para, inclusive, comprar ração. Daí, surgiu a ideia da iniciativa, com o objetivo de ajudar o trabalho deles”, ressaltou a vereadora. 

A presidente da Associação Trindade de Amigos dos Animais, Ana Maria Borges, afirma que o trabalho com o abrigo tem sido muito. “Faltam diversas coisas, inclusive voluntários”, conta a presidente”, comenta. “Essa ajuda foi muito importante, pois de várias formas temos tentado acumular fundos o suficiente e quem nos ajudou foi ela [vereadora Márcia]”, afirma a presidente. 

A hora da adoção

A jovem Ana Carolina Campos, de 18 anos, adotou um cachorrinho durante o evento. Ela conta que a experiência foi o máximo e agradece à vereadora e às Instituições parceiras. “Adotei um filhotinho de dois meses e foi uma experiência única. É um amor incalculável. Pra mim, esse sentimento tem muito valor. Todos deveriam aproveitar”, ressalta Ana Carolina. “O projeto é lindo e espero que aconteça mais vezes”, finaliza. 

Uma proposta de saúde para todos

A coordenadora do curso de Medicina Veterinária da FUG, Andressa Reis, comentou que o evento de hoje foi o primeiro passo da Instituição no sentido de criar mais parcerias para promover o bem-estar coletivo. “Com tais iniciativas, visamos também dar continuação aos trabalhos da liga acadêmica da Medicina Veterinária. Esse projeto é por amor aos animais, mas mais ainda pela manutenção da saúde pública”, conclui a coordenadora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *